top of page

Programa Lideranças Virtuosas – Encontro Oficial 9: Debate sobre o Livro “Empresiliente”


Capa do livro Empresiliente

Este livro é de leitura obrigatória para toda e qualquer pessoa que pretender ser um líder inspirador capaz de transformar a sua empresa em uma organização humanizada. Trata-se do primeiro de três volumes escritos pelo querido Alexandre Di Miceli: “A Empresa que Aprende”, que traz as qualidades de uma organização que consegue evoluir continuamente e prosperar num mundo de incertezas.


Nesse mundo de hoje, absolutamente dinâmico, com mudanças ocorrendo a todo o tempo, é preciso que as empresas também sejam capazes de se adaptar rapidamente para enfrentar os constantes desafios que se apresentam.


Resiliência é uma característica essencial para a sobrevivências das empresas. Na definição de Alexandre Di Miceli, “resiliência é a capacidade de sentir, abraçar e se adaptar às mudanças, crescer com as adversidades e ter sucesso em um mundo de incertezas”. Nas palavras do autor, trata-se de uma jornada e não de um destino, já que ter sido resiliente no passado não significa que a empresa continuará a ser resiliente.


Para Alexandre, os cinco capitais da resiliência são:


- O capital financeiro (conservadorismo na gestão financeira da organização)

- O capital cognitivo (expertises, experiências e competências que permitem gerar maior diversidade, inteligência coletiva e tomar melhores decisões)

- O capital moral (existência de um propósito maior, identidade comum e valores compartilhados que conecta as pessoas e as faz agir de maneira cooperativa em prol do benefício comum)

- O capital emocional (conexão emocional envolvendo sentimentos de amizade, cuidado, afeto, respeito, civilidade e apoio mútuo entre as pessoas que permite criar um ambiente emocionalmente positivo)

- O capital relacional (reputação e qualidade dos relacionamentos da organização com seus clientes, fornecedores, comunidades e outras partes interessadas)


Alexandre enumera diversos exemplos positivos de empresas que, ao investir nestes 5 capitais, conseguiram sair das crises melhor do que entraram.


Ele ainda dedica um capítulo inteiro sobre Segurança Psicológica, que é a BASE de uma organização que aprende! Segurança psicológica significa criar um ambiente no qual as pessoas não têm medo de compartilhar suas dúvidas, reportar os erros ou condutas antiéticas nem de contribuir com novas ideias. O objetivo é simples: eliminar o medo das pessoas, o medo de se expor, de errar, de divergir do grupo, de questionar superiores, de sofrer retaliações, de parecer incompetente, de ser ridicularizado, de ficar no ostracismo, de ser visto como problemático e, claro, de ser demitido.


“Segurança psicológica é a soma de dois componentes: confiança + respeito”.


O capítulo de segurança psicológica é riquíssimo em informações relevantes para empresas que querem prosperar!


Um outro capítulo que merece destaque é o que trata da Motivação Intrínseca. Despertar esta automotivação nas pessoas, para que voluntariamente desempenhem as suas atividades com excelência, é elemento chave para o sucesso de qualquer organização.


Vivemos em uma enorme crise de engajamento no mundo! Logo, as empresas que conseguem despertar esta motivação nas suas pessoas automaticamente se destacam sobre as demais.


Para despertar esta motivação intrínseca, precisamos de um ambiente que preencha três necessidades psicológicas fundamentais:


- autonomia (possibilidade de escolher que/ quando/ como/ onde fazer as tarefas)

- competência (perceber que estamos melhorando em algo que importa)

- conexão (fazer parte de um grupo com relacionamentos saudáveis e sentimento de comunidade)


E como bônus, o livro traz um indicador para medir a resiliência da sua organização!


Vale mesmo a pena mergulhar nesta leitura!


Quer conhecer um pouco mais do autor? Então sugiro que você visite o canal de youtube da sua empresa Virtuous Company e aprenda MUITO com ele. Eu sempre corro para lá quando preciso buscar conteúdo de qualidade!

コメント


bottom of page