top of page

Programa Lideranças Virtuosas – Sessão Bônus 18 com Bob Chapman

Atualizado: 14 de out. de 2022


O encontro inspirador de hoje foi com Bob Chapman, CEO e Presidente do Conselho de Administração da Barry-Wehmiller, uma empresa com mais de 100 anos, que atua em 28 países, reconhecida pela sua cultura e liderança humanizadas. Bob (como ele pediu para ser chamado durante o nosso encontro) é autor do livro “Everybody Matters”.


Bob iniciou o nosso encontro contando as inspirações que serviram de verdadeiros guias na sua jornada transformacional de “management” para “leadership”.


Basicamente, tais inspirações levaram a 3 perguntas reflexivas que ele passou a se questionar:


(i) “Por que razão as pessoas não podem se divertir nas empresas ao mesmo tempo em que trabalham?”


(ii) “Se eu, com 1 hora semanal na Igreja, me sinto impactado pelas mensagens que são lá ditas durante uma missa, por que razão eu mesmo não poderia também impactar positivamente a vida das pessoas com quem eu convivo 40 horas semanais no trabalho?”


(iii) “Se eu cuidar bem das minhas pessoas no trabalho, será que isto não impactará positivamente a vida destas pessoas também nas suas casas, nos seus casamentos, nas suas relações familiares?”


Ou seja, o que mudou nele foi a LENTE com que ele passou a enxergar as “suas” PESSOAS, como algo muito potente para mudar o mundo para melhor!


Assim, ele percebeu que o grande “ato de caridade” não estava no salário que ele pagava para as suas PESSOAS no final do mês, mas na forma como ele CUIDAVA das suas pessoas.


Bob defende que o AMOR e o RESPEITO são o segredo para causar um impacto absurdo na vida das pessoas. Parece simples e trivial, não é mesmo? Mas quantas vezes não complicamos as nossas vidas e esquecemos do “básico”?


Para Bob, três grandes virtudes são importantes: Listening, Care e Trust!


Mas, muito cuidado aqui! Como Bob mesmo ressalva, o que ele defende não é ser “bonzinho”! Longe disso! Mas sim que exista uma combinação dinâmica e perfeita entre (i) um modelo de negócio bem definido, desenhado e estruturado que criará valor (o motor!) e (ii) uma cultura forte (o combustível “premium”!) que permitirá que esse modelo de negócios “performe” adequadamente.


Para assistir e se inspirar também com esta valiosa conversa de hoje, basta clicar aqui:


Depois de assistir, me conta o que achou?


Comments


bottom of page